Formação / Cursos
18IGP127
Designers de Formação: da conceção à avaliação
Área Temática Gestão de RH
Carga Horária 16 Horas
Administração Central e Local
Data de Início 2018-12-17 Data de Fim 2018-12-18 Cronograma
Formador(a) João Leite
Localidade Porto
Local de Realização IGAP|Rua de Belos Ares, 160
Público alvo Colaboradores das organizações que pretendam assumir o papel de Designers de Formação
Taxa de inscrição € 230,00
Financiamento Taxa de Inscrição - isento de IVA (Art. 9º, nº 14 do CIVA)
Observações

Formador:

João Leite,  Psicólogo, formador na área comportamental e de RH, consultor na área do desenvolvimento organizacional


  • Objetivos
    • Gerais
      ENQUADRAMENTO/OBJETIVO GERAL: 

      A existência de formação nas organizações não é novidade, muito menos raridade. Mas da formação não se pode esperar, meramente, a sua presença e realização. Cabe-lhe um papel de dinâmica do processo de desenvolvimento das organizações onde acontece e, para tal, é crucial a presença de profissionais que a desenhem à medida.

      Neste programa- Designers de formação – vamos preparar as pessoas que, nos respetivos contextos de trabalho, estarão capazes de fazer cumprir o desígnio da formação nas organizações.

      O programa está especialmente orientado para trabalhar, operacionalmente, as frentes estratégicas da formação ( Conceção / Desenho / Monitorização e Avaliação ) nas suas vertentes concetual, instrumental e processual.


    • Específicos

      No final da formação os participantes estão aptos a: 

      - definir problemas / oportunidades de mudança

      - fazer um levantamento participado e orientado de problemas de um contexto de trabalho

      - distinguir famílias dos problemas;

      - identificar as situações – tipo para formação

      - definir objetivos de formação

      - caraterizar os diferentes cenários formativos

      - caraterizar os diversos quadros metodológicos

      - desenhar uma intervenção formativa

      - elaborar um programa de formação para a organização

      - identificar procedimentos, práticas e instrumentos de monitorização da formação;

      - definir indicadores de sucesso;

      - elaborar instrumentos de análise das intervenções formativas;

      - montar cadernos de encargos ( formação / formadores / designer de formação );

      - definir variáveis e indicadores relevantes para a avaliação das intervenções formativas;

      - caraterizar o processo de avaliação;

      - definir processo, instrumentos e práticas de avaliação;

      - utilizar práticas de feedback da formação

      A organização dos objetivos específicos tal como é apresentada pretende explicitar os momentos estruturantes para um designer de formação: a conceção, o desenho, a monitorização e a avaliação 


  • Programa
    • 1. Conceção da formação

      - problemas / oportunidades

      - definição operacional

      - tipos / famílias de problemas

      - como fazer levantamento de problemas / oportunidades

      - identificar as situações – tipo para formação

      2. Desenho da formação

      - os objetivos de formação

      - os diferentes cenários formativos

      - os diversos quadros metodológicos

      - instrumentos de desempenho ( guiões )

      - programas de formação de uma organização

      3. Monitorização

      - práticas, instrumentos e procedimentos de monitorização

      - as estratégias de acompanhamento

      - os instrumentos de análise da prática formativa

      - guiões de intervenção

      4. Avaliação

      - variáveis e indicadores de avaliação da formação

      - processo de avaliação: fases e momentos

      - instrumentos e práticas

      - o que fazer com a avaliação ?

      - o feedback

  • Mais Informações
    • Nº máximo de formandos 12
    • Recursos Pedagógicos Casos e exercícios Documentação de Apoio Folhas para trabalho Marcadores Material de Escrita Quadro
    • Metodologias de Formação

      Esta formação assenta num quadro metodológico constituído por três grandes eixos:
      i. a interação ( partilha orientada / participação produtiva );
      ii. a experimentação ( exercícios / CASOS / jogos andragógicos );
      iii. a apropriação ( feedback / regulação / modelagem );





    • Forma de Organização Presencial
    • Metodologias de Avaliação Diagnóstica (questões p/ aferição do nível de conhecimentos/aplicabilidade/expetativas), contínua formativa (oral e prática, durante as sessões) e final de reação (questionário individual e debate orientado). 
voltar
Contacte-nos
Rua de Belos Ares, 160, 4100-108 PORTO

Telf.: +351 226 001 312 / +351 226 005 219
Coordenadas GPS
N 41º 09' 39.4'' W -8º 38' 15.8''
Assuntos carácter geral
igap@igap.pt

Secretariado
secretaria@igap.pt

Dep. Formação
dep.form@igap.pt
Dep. Financeiro
dep.fin@igap.pt

Direção
direcao@igap.pt
Siga-nos
Facebook
Partilhar
Partilhar